Estava escuro... tinha medo... mas fez-se luz, iluminava-me e a tudo o que me rodeava. Era eu, foi o que aconteceu quando me descobri a mim próprio!

quinta-feira, agosto 30, 2007

Como ter uma vida iluminada?

Mesmo nos dias de Verão, em que tenho mais de 12 horas de sol, muitos amigos e uma família constituída ao meu lado, sinto-me sem energias e vigor. Apesar de estar de férias e com tempo livre, sinto um certo vazio que a diversão e alegria dos amigos e família não conseguem preencher. – desabafou a Sofia

O sentimento de realização, de plenitude, de felicidade, é algo que vem de dentro, temos de investir em nós. Podemo-nos realizar com os outros, necessitamos porém de saber o que queremos e para onde vamos. – respondeu o João

Da minha experiência é fundamental definir objectivos reais e concretos, escrevê-los ajuda muito, visualizar a sua concretização e estabelecer um prazo. Só assim tenho conseguido sentir aquela alegria interior que por vezes ouvimos falar.

Isso é muito bonito, mas para isso primeiro é necessário focarmo-nos no essencial, há muita coisa interessante e útil, no entanto temos que dedicar toda a nossa energia ao que é essencial, isso implica opções e assumi-las. O nosso dever é para connosco e não com os outros. Só assim poderemos ser felizes. – reiterou a Diana

Sofia há algo muito importante, em cada dia tu tens o poder de decidir quem queres ser, qual o rumo que vais seguir e de o confirmar dia após dia, mantendo as tuas convicções, a nossa mente e espírito têm uma capacidade imensa de atrair para a nossa vida o que verdadeiramente queremos, centra os teus pensamentos e atitudes no que queres hoje. Esquece o que fizeste no passado, não são erros ou falhas apenas ensinamentos e lições. O futuro será meramente a consequência da vivência do hoje e agora. – partilhou o Tony

Reparem, isso até me soa muito bem, mas também me parece muito teórico, como é que na prática eu posso saber para onde quero ir, mudar o rumo da minha vida, sentir-me realizada junto dos meus amigos e família? – inquiriu a Sofia.

Permite-te estar contigo própria todos os dias, guarda uns minutos por dia, para estares em silêncio, limpares a tua mente e escutares o teu interior. Não desanimes se ao início tiveres dificuldade em fazê-lo, é normal pois provavelmente andas distante do teu eu. Descobrirás coisas fantásticas. Conhece-te! Depois pensa no que gostarias de ser, o que é que realizas com imensa paixão na tua vida, se queres ser uma óptima mãe e ter uma casa enorme. Fecha os olhos e visualiza-te nesses papéis, pensa nisso como um dado adquirido, com a certeza de que realizar-se-á, que é já um facto consumado que irá chegar a qualquer momento à tua vida. O poder dos teus pensamentos molda a tua vida de forma inequívoca, por isso afasta todos aqueles em que não te revês e os que são negativos. – explicou o João. Podes aplicar isto a qualquer coisa da tua vida. Este será um passo que te ajudará bastante no teu caminho.

1 comentário:

sendyourlove disse...

Adorei a partilha e vou guardá-la para mim...