Estava escuro... tinha medo... mas fez-se luz, iluminava-me e a tudo o que me rodeava. Era eu, foi o que aconteceu quando me descobri a mim próprio!

quarta-feira, junho 15, 2005

Como estás? Vai-se indo! - II

Em boa verdade ainda que nem sempre alcancemos, tudo na vida tem um sentido, tem uma explicação causal e o que é importante descobrir é que nós fazemos parte dessa relação causa-efeito, não somos simples espectadores, nós criamos a nossa realidade, literalmente!

Somos seres activos

Independentemente das opiniões de que nós somos seres espirituais, seres que transmitem energia, seres cósmicos, enfim o que lhe queiram chamar, verdade é que influenciamos os acontecimentos pessoais e não só. A questão é que muitas vezes (a esmagadora maioria das vezes e das pessoas) tal acontece de forma não intencional, pelo que não nos apercebemos nem controlamos os efeitos produzidos.

Ter consciência do que somos e influenciamos
Este é um dos factos pelo que é importante aprofundar o auto-conhecimento e o conhecimento da Vida, para podermos ser pessoas conscientes da nossa identidade e natureza, isto naturalmente implica esforço e dedicação, não é acordar um dia de manhã e dizer hoje vou conhecer-me a mim e ao mundo e já está. Tal como um atleta de alta competição ou um cientista todos os resultados advêm da perseverança, do trabalho contínuo e da intensidade e motivação que se coloca nas coisas. E garanto-vos que não é um desperdício de tempo ou de energias o empenho na conquista de novos horizontes, e na procura de uma verdade mais real e completa que pode mudar TUDO! Desperdício de tempo é ter que morrer fisicamente para perceber quem somos espiritualmente!

2 comentários:

fairy_morgaine disse...

propões alguma leitura?

Funny disse...

Sim proponho: Conversas com Deus de Neale Donald Walsch da Editora Sinais de Fogo (é uma trilogia)