Estava escuro... tinha medo... mas fez-se luz, iluminava-me e a tudo o que me rodeava. Era eu, foi o que aconteceu quando me descobri a mim próprio!

segunda-feira, agosto 10, 2009

Inclusão


Hoje apetece-me escrever sobre inclusão.


O desconhecimento do corpo

Existem milhares de pontos no nosso corpo entre músculos, ossos que nunca tocámos de forma real e que são acessíveis através da pele. Podem causar dor, prazer ou indiferença. Essas sensações diferem de dia para dia. Dentro do nosso corpo existe ainda um milhão de coisas que desconhecemos desde as células até ao coração, passando por tantos órgãos, músculos, artérias entre outros, que são diferentes de pessoa para pessoa. Conhecermo-nos profundamente ajuda-nos a descobrir mais profundamente o nosso corpo e a incluirmo-nos na vida, no universo, na natureza.


A inclusão tridimensional

Mas a inclusão é muito limitada se nos ficarmos pela consciência corporal. Cada um de nós tem ainda uma mente e um espírito com inúmeras especificidades e que são diferentes de pessoa para pessoa. Temos então uma enorme diversidade na trilogia corpo + mente + espírito e apenas conseguimos ser inclusivos quando nos conhecemos verdadeiramente, nos aceitamos e reconhecemos as diferenças dos nossos semelhantes sem julgar, sem preconceitos, libertando de estereótipos, sejam essas diferenças de corpo, mente ou espírito.


O paradoxo da inclusão

És capaz de ver além do corpo? Ultrapassar as barreiras da mente que te fazem viver na ilusão da aparência? És capaz de sentir não a partir dos 5 sentidos, mas do teu interior? És capaz de reconhecer em alguém com paralisia cerebral e forte limitação física alguém tão digno, capaz e especial como tu. Quando excluímos os outros apenas nos estamos a auto-excluir e a afirmar que não percebemos o mistério da vida. Até ao dia em que não formos capazes de incluir os outros, nós não estamos incluídos.


Quando excluo não me excluo, porque nunca estive incluído!

1 comentário:

sinigo disse...

a começar a construir blog de escrita criativa, acessem, agradecia http://sinigo-sd.blogspot.com/ obrigada